segunda-feira, 31 de outubro de 2011

IFS realiza audiência pública em Propriá amanhã, 1º


A audiência acontece das 8h30 às 13h, na Sociedade Semear
Sede IFS
O Instituto Federal de Sergipe (IFS), através da Pró-Reitoria de Ensino (Proen), realiza audiência pública na próxima terça-feira, 1º, no município de Propriá. O objetivo é definir, com ampla participação da sociedade civil, a oferta de cursos na cidade, onde será instalado um dos quatro novos campi do instituto no estado.

A audiência acontece das 8h30 às 13h, na Sociedade Semear, localizada na avenida José Conrado de Araújo, 330. Estarão presentes o reitor do IFS, Ailton Ribeiro de Oliveira, o pró-reitor de Ensino da instituição, Adelmo Menezes, e representantes de diversas entidades do município.

Segundo o professor Adelmo, a audiência vai contar com a participação de todos os organismos sociais que compõem os territórios, como sindicatos, câmaras municipais, igreja e associações de moradores. “A definição dos cursos a serem ofertados nesses campi não pode ser resultado da opinião de apenas um indivíduo”, afirma.

Para Elenice Reis, secretária de educação de Propriá, a demanda na cidade também tende a ser por cursos da área da indústria. “Nossa vocação é mesmo industrial. A expectativa pela instalação do IFS na cidade é muito grande, principalmente por parte dos nossos jovens”, declara.

Audiências

Serão realizadas, ainda, audiências públicas em Nossa Senhora do Socorro, Poço Redondo e Tobias Barreto, municípios que também serão contemplados com novos campi do IFS. Confira abaixo cronograma completo das audiências:
04/11 – Poço Redondo – Local: Clube Horácio Lucas, conjunto Lídia Souza
10/11 – Tobias Barreto – Local: Centro Padre Melo, próximo ao Ginásio de Esporte
24/11 – Nossa Senhora do Socorro – Local: Centro Cultural Maria Ribeiro Franco, rua Antônio Valadão, s/n

Fonte: Ascom IFS

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Internauta denuncia: falta comida em hospital de Propriá


A denúncia diz que pessoas vem para o Huse por falta de comida
A denúncia foi feita por um morador de Propriá (Foto: Arquivo Infonet)
Um internauta que preferiu o anonimato entrou em contato com o Portal Infonet para denunciar a falta de alimentação e de profissional nutricionista no Hospital Regional da cidade de Propriá, que fica a cerca de 100 km de Aracaju. De acordo com a denúncia, alguns pacientes estavam sendo transferidos para o Hospital de Urgências de Sergipe (Huse) devido ao quadro instalado na unidade de saúde.

Portal entrou em contato com o hospital em Propriá. A informação é de que apenas o diretor técnico poderia falar sobre o assunto, mas o contato com o diretor, identificado como Dr. Sandro não foi possível. Também procurado pela reportagem, o Huse passou a palavra para a assessoria de comunicação da Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) que emitiu nota reproduzida aqui, na íntegra:
“Não houve nenhum problema com relação à nutrição e fornecimento de alimentação ao Hospital Regional de Propriá, todas as refeições vêm sendo servidas de forma regular sem nenhuma interrupção nesse serviço, com relação à transferência de pacientes deste hospital para Aracaju ou qualquer outro hospital da rede, se dá em função do serviço de internamento nesse nosocômio,  ainda não está em funcionamento, mas que esta é uma rotina desde que o hospital  foi inaugurado e que em breve este serviço será implementado.  Informamos à população que os serviços no Hospital Regional de Propriá se mantém normalmente, atendendo a todos de acordo com as suas necessidades”.

Em vista disso, o Portal Infonet coloca-se à disposição do Hospital Regional de Propriá e da população da cidade, caso haja contrapontos ao argumento da assessoria da FHS. O contato pode ser feito através do email jornalismo@infonet.com.br ou do telefone (79) 2106-8000.

Por Caio Guimarães e Aldaci de Souza

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

EXCLUSIVO: Poesia Falada





 Propriá lança Edital do Concurso de Poesia Falada

A Prefeitura de Propriá, através da Secretaria Municipal de Cultura e Meio Ambiente, promove no período de 22 a 29 de janeiro de 2012, o retorno do XXV Encontro Cultural de Propriá, maior encontro de arte e cultura do Baixo São Francisco em Sergipe e Alagoas, um dos maiores e mais representativos da região Nordeste.
Dentro da programação que começa a ser elaborada a partir de uma série de ações gerais e específicas, está a realização em 25 de janeiro do Concurso de Poesia Falada, que deve atrair poetas de Sergipe, Alagoas e Bahia no grande banqueta da poesia mais aguardado dos últimos tempos.
Assim, reunidos no dia 13 de outubro no Colégio Estadual Joana de Freitas Barbosa, a comissão responsável pela organização do Concurso de Poesia Falada decidiu que será lançado no dia 1º de Novembro de 2011 o Edital, contendo as informações e procedimentos de inscrições e outras questões relacionadas a ele.
A comissão é integrada pelos professores Luiz Carlos, Glaedson Novais e Rossi Magno e da reunião participaram os professores Alberto Amorim, secretário municipal de Cultura e Meio Ambiente e Claudomir Tavares, da cadeira de Cultura Sergipana daquela instituição.
Entusiasmado com o retorno do Concurso de Poesia em particular e do Encontro Cultural em geral, o prefeito José Américo disse que “a poesia é uma das mais belas formas de expressão do ser humano e pretendemos com o retorno do concurso oportunizar aos poetas um momento desta bela forma de diálogo”, disse.
Já o historiador Alberto Amorim, informou que “diversas coordenações estão mobilizadas e realizando reuniões setoriais, construindo cada uma as partes que se completam para fazer deste Encontro o mais sintonizado com os anseios dos vários atores sociais que abraçaram a causa da sua realização”, afirmou o secretário.
Coordenador do Concurso de Poesia, licenciado em Letras e servidor da Educação em Propriá, Luiz Carlos revelou que “dentro das nossas possibilidades e do empenho de todos, pretendemos elaborar as bases de um Concurso de Poesia que possa se consolidar como um dos mais importantes eventos do Encontro Cultural”, acredita o coordenador.
O Concurso de Poesia Falada de Propriá tem data (25 de janeiro de 2012), hora (20 horas) e local (Auditório do Colégio Nossa Senhora das Graças) marcados e está sendo aguardado com bastante ansiedade não só por poetas, mas amantes da poesia, da literatura e da cultura de uma forma em geral.
Este portal se comprometeu em divulgar para seus leitores e os amantes da poesia em Sergipe e estados vizinhos, o Edital do Concurso de Poesia Falada na íntegra, devendo ser replicado em sites de Propriá, Pirambu, Japaratuba, Estância, Lagarto, Penedo e outras cidades de Sergipe e estados vizinhos.

Fonte/Autor: www.tribunadapraiaonline.com.br/ Por: Antônio Madeira

Prefeitura convoca servidores com duplo vínculo público



O Ministério Público de Sergipe, através da 2ª promotoria cível e criminal da comarca de Propriá, que tem à frente o promotor Peterson Almeida Barbosa encaminhou, neste mês de outubro, recomendação ao prefeito José Américo Lima, informando que no município alguns servidores acumulam duplo vínculo empregatício. De acordo com a promotoria, o gestor público deve apurar os fatos, sob pena de ação de Improbidade Administrativa. Ao término da apuração, a Prefeitura deve encaminhar todos os procedimentos à promotoria.

Após a notificação oficial, imediatamente, o prefeito José Américo Lima determinou a apuração dos fatos, a partir de um levantamento do quadro de servidores do município e em seguida encaminhou ofício aos trabalhadores que supostamente exercem dupla função. Na convocação, o gestor pede que os colaboradores optem pela função que deseja desempenhar.

De acordo com o assessor técnico-jurídico da Prefeitura, André Fontes, muitos trabalhadores já compareceram à Secretaria de Administração para regularizar a situação. “Muitos já fizeram a opção de pedir exoneração do cargo que exercem na Prefeitura de Propriá e outros fizeram o inverso, e optaram por trabalhar no município. Diante disso, é importante deixar claro que não está havendo coação, ameaça, nem tratamento desleal ao servidor. O prefeito apenas está cumprindo o que determina a lei, tendo em vista que só podem exercer mais de um cargo público os cientistas, professores e médicos”, disse Fontes.

O assessor acrescentou ainda que se o prefeito não tomar estas medidas vai ser processado cível e criminalmente. “O administrador municipal não pode se responsabilizar por irregularidades cometidas por servidores. Diante disso, a única opção é seguir a recomendação do Ministério Público. Caso o gestor descumpra é penalizado conforme determina a lei, ou seja, terá de pagar multa, será considerado inelegível durante o período de oito anos e ainda pode vir a perder o mandato. Portanto, o MPE está fazendo cumprir o que determina a lei brasileira”, frisou o assessor.

Fonte/Autor: COCS Propriá. Diego Góes

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Laboratório digital amplia oferta de exames no Hospital de Propriá


Agilidade e segurança. Esses são os principais aspectos levados em consideração quando avaliado o bom funcionamento de um serviço laboratorial. No Hospital Regional São Vicente de Paula, localizado no município de Propriá, na região do Baixo São Francisco, o Governo de Sergipe implantou o primeiro laboratório 100% digital da rede. Em pouco mais de três meses de funcionamento, o serviço, que funciona 24h, possibilitou ao hospital ampliar exponencialmente o número de exames ofertados, saindo de 80, em junho, para 1.300 no mês de setembro.
Além do aumento exorbitante na oferta de procedimentos, a implantação do laboratório dentro da própria unidade hospitalar também tem conseguido agilizar o tempo de resposta de cada exame. “Antes, esperávamos até oito horas pelo resultado de um hemograma. Hoje, este mesmo exame é realizado em até dois minutos”, comparou o superintendente do Hospital, Adelmo Alves de Macedo Júnior.
Até pouco tempo, os serviços laboratoriais demandados pelo Hospital de Propriá, assim como ainda ocorre com algumas unidades da rede, eram ofertados por um laboratório contratado pelo Governo do Estado na região. Com a construção dos novos hospitais e as reformas de ampliação e adequação dos antigos, a exemplo do que ocorreu com o Hospital de Propriá, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) passou a destinar, no projeto arquitetônico de cada unidade, espaços reservados para implantação do serviço laboratorial.
“Antes, era necessário coletarmos o sangue e encaminhá-lo para um laboratório contratado pelo Estado para que o resultado fosse processado. Este deslocamento acabava gerando demora”, explicou Adelmo Alves, lembrando que na maioria dos procedimentos, a agilidade do diagnóstico permite uma recuperação mais rápida do paciente.
Modernização
Segundo Emanuel Messias, diretor geral da Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) – órgão responsável por gerenciar a unidade –, a modernização da rede se constitui numa das metas da entidade para melhorar as condições de trabalho e de assistência nos hospitais do Estado. Os investimentos para ampliar a estrutura física e modernizar o parque tecnológico do Hospital Regional São Vicente de Paula fazem da unidade, hoje, uma referência para 16 municípios sergipanos, além de mais quatro alagoanos que fazem fronteira com o Estado.
“A implantação de laboratórios digitais nos hospitais da rede pública já é uma realidade em Sergipe. Hoje, além do Hospital Regional de Propriá, o Hospital Regional de Lagarto também já conta com o serviço, que deveremos estender a todos os hospitais da rede”, garantiu Emanuel Messias.
Em Propriá, o serviço está equipado com o que há de mais moderno em tecnologia de laboratórios clínicos. Uma equipe composta por cinco biomédicos e dois técnicos em laboratório garante a assistência em tempo integral. “O que temos aqui em termos de tecnologia não deixa a desejar em nada quando comparado a qualquer laboratório da rede privada”, confirmou a biomédica Cátia Regina, destacando a segurança e a agilidade como diferenciais do serviço. 
por Agência Sergipe

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Licitações de Propriá estão disponíveis também no site


Mais transparência. Por determinação do prefeito José Américo Lima (PSC), todas as licitações executadas no município estão sendo disponibilizadas também no site oficial da Prefeitura: www.propria.se.gov.br. Neste canal de comunicação serão publicadas informações inerentes aos certames como: Modalidade, Objeto, fonte de recursos e situação. Além disso, os interessados em participar dos processos poderão baixar os editais ou arquivos similares.
 
De acordo com a presidenta da Comissão de Licitação, Sandra Silvestre, esta ação permite reforçar os comunicados que são disponibilizados em outros veículos de comunicação oficiais. “Os nossos comunicados que já são publicados no Diário Oficial do Estado e no site do TCE. Agora, a Prefeitura está facilitando ainda mais o acesso às informações aos interessados. Contudo, a nossa intenção em disponibilizar os editais em forma de arquivo é para dar mais agilidade às licitações, dessa forma, os interessados não vão precisar se deslocar de outras cidades ou estados para poder ter as informações em mãos. Com isso, se torna mais fácil ampliar o número de concorrentes”, disse Sandra. 

Fonte/Autor: COCS Propriá

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Sede da Prefeitura retorna para a Av. Sete de Setembro

Mais conforto para a população e redução de despesas. A administração “Propriá, um Novo Tempo para Todos” mudou a sede da Prefeitura, que desde a última quinta-feira, (13), funciona em um prédio próprio, localizado na Travessa Sete de Setembro, 1355. No espaço, vão ser instaladas várias secretarias como Administração, Finanças, Planejamento, entre outras.

A medida, de acordo com o secretário de Gabinete, Francisco Carlos Cardoso, tem o intuito de proporcionar mais conforto à população e reduzir despesas com aluguel. “Neste espaço, aonde funcionava a Prefeitura Velha, vamos concentrar várias secretarias. Dessa forma, em um só lugar, a população pode resolver assuntos de diversos interesses. Além disso, o poder público municipal deixa de pagar os alugueis dos prédios em que estavam instaladas algumas secretarias”, relatou.

O secretário de gabinete informou ainda que as secretarias que possuem sedes próprias, a exemplo da Saúde e Educação, continuam funcionando no mesmo local. “É importante frisar que as secretarias de Saúde e Educação, que possuem sede própria continuarão funcionando no mesmo local. Mantivemos alugado apenas o prédio aonde funciona as sedes das secretarias de Obras e SMTT, tendo em vista que necessitamos de espaço muito amplo e, por enquanto, ainda não dispomos disso”, frisou Francisco.


Fonte/Autor: COCS Propriá

sábado, 15 de outubro de 2011

Prefeitura lança projeto Mais Educação


A Prefeitura de Propriá, através da Secretaria Municipal de Educação lançou na tarde de ontem, (14), em aula inaugural, no 12 Tênis Clube, o projeto Mais Educação, que nesta primeira etapa vai beneficiar 240 crianças e adolescentes, das escolas municipais Evanilde Serra Pinheiro e monsenhor José Soares. O objetivo do projeto é contribuir com a formação integral dos estudantes, ampliando espaços e oportunidades por meio da articulação das políticas setoriais envolvidas, possibilitando a todos o direito de aprender.
De acordo com a secretária municipal de Educação, Elenice Reis, as crianças e adolescentes beneficiados vão permanecer na escola em horário integral. Em um turno contrário ao que freqüentam as aulas, vão desenvolver atividades lúdicas, rádio escolar, praticar futsal, aulas de percussão e de português e dança. “Este projeto é um sonho antigo que está se tornando realidade hoje para as crianças e adolescentes de Propriá. Na própria escola, além de desenvolver atividades importantes para a formação e inclusão social, todos eles vão receber almoço. Além disso, a Prefeitura já distribuiu o fardamento”, disse a secretária.

Em discurso, o prefeito, José Américo Lima reiterou a importância do projeto e destacou que a qualidade da educação é um compromisso da atual administração. “Queremos proporcionar às nossas crianças e adolescentes mais oportunidade e qualidade de ensino. Portanto, o projeto Mais Educação é um bom exemplo. Então, a minha mensagem é que cada estudante beneficiado aproveite ao máximo esta aprendizagem, tendo em vista que a educação é o único meio para se chegar ao desenvolvimento”, frisou Américo.

O operador de máquina, Geraldo Menezes, elogiou a iniciativa da Prefeitura de Propriá com a execução do projeto Mais Educação. “Tenho dois filhos que estão sendo beneficiados com este projeto. No meu entender, eles estão tendo uma oportunidade única. A Prefeitura está de parabéns, já que centenas de crianças e adolescentes têm a oportunidade de aprender atividades educacionais importantes, também fora da sala de aula”, afirmou.

As duas filhas da dona de casa, Claudete Rodrigues dos Santos, estão sendo beneficiadas com o projeto. Ela também elogiou a iniciativa da Prefeitura. “Hoje, a Prefeitura de Propriá está proporcionado às crianças e adolescentes uma oportunidade que eu não tive, por exemplo. A meu ver, as minhas duas filhas vão ter mais uma chance de alcançar o desenvolvimento. A gestão municipal está de parabéns”, destacou.


Fonte/Autor: COCS Propriá

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

ALVINO MIGUEL NETO: Campo do Propriá, Não estou apelando, estou criticando mesmo

Esses mesmos que se dizem propriaenses de nascimento e coração até agora se calam
É triste ver uma praça de esportes que patrimônio do municipio e da população de Propriá ser leiloada desta forma, onde estão as vozes proprianenses que se dizem desportistas espalhadas por diversos meios de comunicação do Estado, principalmente nas rádios, aquelas vozes principalmente das rádios da Capital que até pouco tempo gritavam bem alto para todo o Estado ouvir que o Estádio João Hora e Sabino Ribeiro teriam que ser reformados pelo Governo do Estado pois os Clubes não tinham condições de reformá-los, esses mesmos que se dizem propriaenses de nascimento e coração até agora se calam, que Pena só engrandecem nosso município quando alguns poucos jogos são transmitidos aí em nosso município. Não estou apelando, estou criticando mesmo.
Por Alvino Miguel Neto
Fonte: Mural de Recados/Portal Oficial da PMPropriá

CLAUDOMIR: PCB estará fora da eleição em Propriá

Militante comunista esclarece que o partido não terá candidato vereador ou a prefeito nem apoiará qualquer dos nomes colocados
Na edição da última segunda-feira, o conceituado jornalista Cláudio Nunes publicou em sua coluna levada ao ar através do Portal Infonet que, sobre as eleições municipais em Propriá configuração política mudou, com a definição dos prováveis blocos que darão sustentação aos pré-candidatos que se apresentam até o momento: José João (DEM), Renatinbho (PMDB), José Américo (PSC) e Eugênio Nascimento (PR).
Mais adiante o jornalista diz que “outros partidos, como PDT,PTdoB, PCdoB, PCB, PSD, ainda não fecharam posição em Propriá”. E é sobre esta segunda parte que o professor Claudomir Tavares, militante do PCB esclarece que “em Propriá, o partido existe apenas cartorial e que não participará das eleições municipais 2012, logo não lançando candidatos a prefeito, vereador nem apoiando qualquer dos nomes aí colocados”, informou.
Soibre sua preferência pessoa, Claudomir disse que mantém “uma relação respeitosa, de convivência com todas as forças políticas locais”, e que é eleitor e miliante político em Pirambu, logo seu comportamento na cidade será de total isenção com relação a eleição, preferindo priorizar sua condição de “professor do Colégio Estadual Joana de Freitas Barbosa e como diretor deste portal”, completa.
Sobre os filiados em Cartório Claudomir esclarece que “a filiação se constitue um ato jurídico, e os remanescentes no sistema Filia Web são de um período anterior, e que nenhum deles tem qualquer militância, condição para ser considerado um quadro do partido, isso não quer dizer que não venham a ser um dia, mas que nenhum dele está autorizado a se expressar em nome do Partido Comunista Brasileiro”, finalizou.
Por Antônio Madeira

SERÁ: Renatinho terá cinco partidos sob sua liderança?

Ex-prefeito confirma que é pré-candidato e aglutina em torno de si possivelmente cinco partidos
O ex-deputado estadual e ex-prefeito José Renato Viera Brandão (PMDB) tem demonstrado publicamente e reafirmado a disposição de disputar em 2012 a prefeitura de Propriá. Em torno de si, reune além do seu partido, o PMDB, o PSB, o PHS, o PPS e provavelmente o PT, do governador Marcelo Déda.
Nos bastidores da política propriaense tem defendido que, caso seja impedido pela Justiça Eleitoral, o grupo deverá lançar o presidente da Câmara, Paulinho Campos, que já colocou seu nome a disposição do PT, partido ao qual elegeu-se em 2004 e reelegeu-se em 2008.
Sem chance – Questionado se haveria alguma possibilidade de reaproximação com o grupo liderado pelo prefeito José Américo (PSC), candidato a reeleição, ela foi taxativo: “nenhuma, nossos caminhos foram separados diante dos últimos episódios, não se fala mais nisso”, sacramentou.
Cinco nomes – Permanecendo o atual quadro político, Propriá terá pelo menos cinco candidatos a prefeito em 2012: o prefeito José Américo (PSC), o ex-prefeito de Telha José João (DEM), o radialista Eugênio Santana (PR), o ex-vereador e ex-vice-prefeito Paulo César (PSDB) e o próprio Renatinho (PMDB), ou Paulinho Campos (PT).
Sacrifício – O imbroglio está justamente no PT. Caso não seja resolvido por cima (e as fichas da unidade estão sendo apostadas jusamente por aí) a reaproximação entre Américo e Renatinho, um dos dois vereadores, Paulinho Campos, presiodente da Câmara ou Fernandinho Britto será sacrificado. Ai, ai!
Por Claudomir Tavares e Antônio Madeira

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Esporte Clube Propriá


Esporte Clube Propriá é um clube de futebol brasileiro, da cidade de Propriá, no estado de Sergipe. Foi fundado dia 12 de outubro de1911 como Sergipe Foot-Ball Club, alterando para a atual denominação em 1956. Suas cores são o azul e o branco. Sua sede se localiza no endereço: Rua Arthur de Melo s/n CEP 49900-000 Propriá/SE.

História

O Esporte Clube Propriá é um dos mais antigos clubes dedicados ao futebol de Sergipe. Foi fundado em 1911, com o nome de Sergipe Futebol Clube, e mudou a denominação quando se filiou à LSEA (atual FSF). Mas o clube propriaense não teve uma permanência constante na primeira linha do futebol sergipano. Somente no final da década de 1940 é que comçou a participar do Campeonato do Interior, conseguindo apenas alguns títulos da “Zona Norte” do Estado. Inscreveu-se no primeiro certame profissional (1960) mas nunca conquistou um título estadual. Algumas vezes deixou de disputar o campeonato e, junto com o seu co-irmão, o América, atravessou um período de séria crise financeira, culminando com a fusão de ambos, formando, em 1991, o União, de Propriá, que, entretanto, teve vida breve.

Rivalidade

O principal rival do Propriá é o América Futebol Clube, clube da mesma cidade e fundado por jogadores dissidentes do Propriá.
Propriá
NomeEsporte Clube Propriá
AlcunhasAvoengo da Ribeirinha
Fundação12 de outubro de1911 (100 anos)
EstádioConstantino Tavares
Capacidade5.000
LocalizaçãoPropriá (SE)
Brasil Brasil
PresidenteJosé Orlando de Melo
CompetiçãoSergipe Campeonato Sergipano - Série A2
Kit left arm white stripes.pngKit body whitestripes.pngKit right arm white stripes.png
Kit shorts.png
Kit socks hoops white.png
Uniforme
titular
Fonte: 
Wikipédia

“AABB Comunidade” de Propriá é avaliado como um dos melhores do País


O Banco do Brasil através do programa AABB Comunidade, desenvolve em 400 municípios do país nas 5 regiões o maior programa de complemento escolar do  Brasil, segundo o (CONANDA) Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Propriá é um desses municípios contemplados com o programa que desenvolve atividades como: Oficinas de Esportes, Saúde, Artes Plásticas e Complementação Escolar, entre outras. Os objetivos do programa são a Inclusão Pessoal, Familiar, Escolar, Profissional e Comunitária (Família, Escola e Comunidade).

Os principais parceiros desse programa são a Fundação Banco do Brasil, PUC/SP, FUNABB e a Prefeitura de Propriá.  O Banco do Brasil, através da FUNABB disponibiliza uniforme, material pedagógico e outros materiais de apoio, já a prefeitura disponibiliza transporte, pagamento dos monitores, alimentação e supervisão pedagógica.

Em recente Visita a Propriá, a doutoranda da PUC/SP, do Programa Psicologia Social e Núcleo de Trabalhos Comunitários, Juliana Santos Graciani, veio trazer uma boa notícia para os propriaenses.  Segundo ela, o Programa AABB Comunidade de Propriá foi avaliado como um dos melhores do País um dos quais melhor desenvolve as atividades, e por conta do excelente trabalho, o município foi contemplado com o “Projeto Educação Para o Trabalho”, que  já é  realizado em 5 municípios. De acordo com Graciani, este projeto está sendo desenvolvido em 4 fases.

A primeira fase, que consiste na formação dos educadores, já foi realizada em São Paulo com um treinamento de 40 horas.  “Esse treinamento é uma ação multiplicadora, onde os professores do município ficaram com a missão de repassar todas as informações para os atores envolvidos com as crianças e adolescentes como: Conselho Tutelar, Conselho da Criança e do Adolescente, professores da rede municipal, prefeito e seus assessores e os demais membros do projeto.  “Quero ressaltar que Propriá dá um grande exemplo por está envolvendo nesse projeto outras secretarias como a secretaria de Assistência Social e a secretaria de Geração de Emprego e Renda” , afirmou Graciani.

A segunda fase é chamada de Cartografia do Mundo do Trabalho, em que é feito um mapeamento ou diagnóstico do município em relação ao perfil econômico de trabalho e emprego com as principais atividades que poderão ser exploradas para a abertura do mercado de trabalho para os jovens.

A terceira fase é a Articulação e Mobilização Real que cria novos cursos profissionalizantes e novos parceiros, para que possa ser desenvolvido o programa Jovem Aprendiz, que vai capacitar e integrar os jovens no mercado de trabalho.

E a quarta fase que é o Plano Tercendo o Futuro, ponto principal do projeto, pois, além de descobrir a profissão desejada, o jovem desenvolve uma consciência, visando a sua estruturação baseada na religiosidade, cultura e lazer, direcionando-os para serem jovens responsáveis, críticos, solidários para que assim contribuam com toda sociedade, proporcionando um bem-estar comum, se formando e se capacitando melhor para a escolha do seu projeto de vida. 

Fonte/Autor: COCS Propriá

1º XCO - BIKE CLUBE PROPRIÁ

INSCRIÇÃO 19/MAIO/2019    08HS CT: Bike Clube Propriá INFORMAÇÕES BANCARIA Andre Correia dos Santos Caixa Econômica Federa...