Eduardo Amorim confere situação precária dos produtores do Baixo São Francisco


Parlamentares sergipanos estiveram na manhã da sexta-feira ouvindo reivindicações dos produtores dos perímetros irrigados de Propriá. O senador Eduardo Amorim (PSC-SE) recebeu vários apelos para que a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) reveja a situação. “Os relatórios anuais da Codefasf não condizem com o que presenciamos. Cerca de 500 trabalhadores, por exemplo, enfrentam dificuldades para viabilizar a rizicultura e a piscicultura na região do baixo São Francisco”, disse Eduardo Amorim.
Os produtores descreveram ao senador o descaso da Codevasf, segundo eles vão desde o sucateamento de equipamentos, as condições da água, que fluem pelas canaletas, passando por dentro dos seus lotes. “A água não tem qualidade e não há a quantidade desejada, além disso, os canais encontram-se obstruídos e as estradas precisam de um reparo”, detalhou o produtor José Bonifácio Nogueira. Ele disse ainda que o sistema de bombeamento está precário e os canais de drenagem devem ser recompostos completamente.
 “A água que é bombeada vem misturada com o esgoto, que é lançada diretamente no Rio São Francisco, ferindo, inclusive, a legislação ambiental. O responsável pelo esgotamento sanitário é a companhia Deso, que não realiza a contento o tratamento do esgoto, lançado dentro do Projeto Propriá, onde muitas famílias utilizam essa água para consumo”, contou José Bonifácio Nogueira.

Baixa na produção

De acordo com dados apontados pelos produtores, há uma perda de 30% de prejuízo, quando o lucro é geralmente essa mesma porcentagem. Eles não conseguem ter a rentabilidade esperada, nem no peixe e muito menos na produção de arroz. Desde 2004 que essa situação vem se arrastando e há desencontros nos dados enviados a diretoria geral da Codevasf. “Não conseguimos entender porque há essa omissão das informações corretas”, disse Nogueira ao completar que houve uma redução de 40% na produção. “Entra presidente e sai presidente e a situação é a mesma”, reafirmou.
O senador Eduardo Amorim marcou uma data com os parceleiros [Dono de uma parcela de terra] para a participação em uma audiência com o ministro da Integração Nacional e com o presidente da Codevasf, em Brasília. “Vamos realizar uma demonstração, pois nem mesmo a manutenção está ocorrendo. Não iremos impor nada, estamos apenas acompanhando, e vamos buscar soluções”, informou Amorim.
 O deputado federal André Moura (PSC-SE) destacou a falta de manutenção nos maquinários. As bombas responsáveis pelo abastecimento de água nos perímetros sempre apresentam problemas. “São quatro bombas e apenas uma funciona a mesma há 34 anos”, apontou o deputado.

Presença

Além do senador Eduardo Amorim e do deputado federal André Moura estiveram no Baixo São Francisco os deputados estaduais Antônio dos Santos, Angélica Guimarães, Augusto Bezerra, Venâncio Fonseca, os prefeitos Claudinor José dos Santos (Cedro de São João), Propriá (José Américo) e Domingos (Telha), o advogado Antônio NETO, vereadores e lideranças locais.

aCom informações da Assessoria de Imprensa do senador Eduardo Amorim

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE