João diz ao Correio Braziliense que Déda e Edvaldo são seus principais cabos eleitorais

Por CORREIO BRAZILIENSE, da redação


Em um ano decisivo para a sobrevivência do DEM, a disputa eleitoral em Aracaju se transformou em prioridade do partido, confrontado com a perspectiva de ser eliminado do mapa político brasileiro ou engolido por uma ala do PMDB. É na capital sergipana que o candidato João Alves Filho  desponta como uma das apostas do DEM para se fortalecer a ponto de evitar o fado da extinção. Prefeito biônico da cidade entre 1975 e 1979, governador de Sergipe por três mandatos, João Alves ocupa a dianteira da disputa com 51,1% das intenções de voto, segundo levantamento do Instituto Única de pesquisa.
Seu principal adversário, Antônio Carlos Valadares Filho (PSB), aparece em segundo lugar com 15,7% da preferência do eleitorado. A dificuldade de Valadares Filho levar a disputa para um segundo turno acontece a despeito do apoio do governador Marcelo Déda (PT), responsável pela articulação com o comando petista que convenceu a legenda a se conformar com a vaga de vice na chapa comandada pelo PSB.
Na avaliação dos correligionários do candidato demista, boa parte dos problemas de Valadares Filho vêm exatamente de sua ligação com o atual governador, que enfrenta uma queda em sua popularidade. "Nossos principais cabos eleitorais têm sido o governador e o Edvaldo (Nogueira, atual prefeito de Aracaju)", diz um integrante do comitê de João Alves, derrotado por Déda em duas eleições para o governo do Estado.
Para Valadares, a vantagem inicial do demista é fruto das duas campanhas para o governo de Sergipe. "Ele conta com um grande recall do eleitorado e dos governos anteriores", diz o candidato do PSB. "Mas as pesquisas de consumo interno apontam para uma queda em seu desempenho, que deve se alargar com o início da propaganda de tevê", aposta. Parte dessas pesquisas indicam também uma possibilidade de avanço de outro candidato:Almeida Lima, do PPS, visto dentro do PT como o elemento que poderá gerar um segundo turno na eleição em Aracaju.
Matéria completa na edição desta segunda-feira, 6, do Correio Braziliense, para assinantes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aluna de 13 anos é filmada fazendo sexo em escola de São Paulo

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe