Operação da PRF registra três mortes nas rodovias federais em SE


Balanço registra queda de quase 35% no número de acidentes e feridos. Dados da operação foram divulgados nesta segunda-feira.

Do G1 SE

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) no estado de Sergipe apresentou o balanço da Operação Semana Santa 2013 nesta segunda-feira (1º). Foram registrados nas rodovias federais do estado, entre os dias 28 e 31 de março de 2013 (período da operação), 17 acidentes, com nove feridos e três mortes.

Segundo o inspetor Queiroz, do Núcleo de Comunicação da PRF em Sergipe, a Operação Semana Santa 2013 trouxe resultados positivos. "O crescimento de aproximadamente 84% no número de autuações reflete o esforço da PRF em coibir irregularidades no trânsito e tentar evitar o risco de acidentes. Alcançamos uma redução de cerca de 35% no número desses acidentes, bem como no número de feridos. Infelizmente, três pessoas pederam suas vidas em dois acidentes.”

Apesar do trabalho ostensivo de fiscalização realizado pela PRF nas rodovias federais de Sergipe durante a Operação Semana Santa 2013, muitos motoristas ainda insistiram em cometer atitudes imprudentes. O rigor na fiscalização dos agentes federais pode ser comprovado principalmente pelo número de notificações extraídas. Durante o período, a PRF autuou 584 motoristas, dos quais 150 (quase 26%) por ultrapassagens indevidas.

Para a PRF, a ultrapassagem indevida é a pior das infrações, pois muitas vezes resulta em colisões frontais onde as chances de sobrevivência são mínimas. Uma colisão desse tipo aconteceu na madrugada de sexta-feira (29), na altura do Km 75 da BR 101, em Maruim (SE). Uma carreta Volvo/FH 460, com placas da Bahia, seguia pela rodovia quando invadiu a pista contrária e colidiu frontalmente com um veículo VW/Gol, com placas de Sergipe. Com o impacto, o condutor do Gol, o Sr. José Aclesio Tavares, de 29 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O caminhoneiro, de 49 anos, não sofreu ferimentos.

Mesmo sabendo da proibição no consumo de bebidas alcoólicas ao dirigir, condutores arriscaram as suas vidas e a de outros usuários das rodovias federais em Sergipe. Durante o período da Operação Semana Santa 2013, foram realizados testes de alcoolemia em 854 condutores nas rodovias federais do Estado, resultando em 27 motoristas autuados. Destes, 12 foram detidos por excederem o limite de 0,3 mg/l (miligramas de álcool por litro de ar expelido dos pulmões).
De acordo com a lei 12.760/12 (nova lei seca), quem for flagrado dirigindo embriagado: comete uma infração gravíssima (sete pontos); tem a CNH recolhida e suspensa por doze meses; o veículo fica retido até que um condutor habilitado e sóbrio se apresente para a retirada do automóvel; paga multa no valor de R$ 1.915,40 e ainda, poderá responder por crime de trânsito.

Em caso de reincidência nos últimos doze meses, o valor da multa é dobrado (R$ 3.830,80). “Os números mostram que os condutores abordados que beberam antes de dirigir representaram somente cerca de 3% dos testes de alcoolemia realizados. Contudo, quase 45% desses condutores flagrados dirigindo sob o efeito de álcool foram conduzidos pela PRF/SE para as delegacias.” , completa o inspetor Queiroz.

Além da atribuição de fiscalização de trânsito nas rodovias federais, a Polícia Rodoviária Federal também faz um trabalho ostensivo de combate à criminalidade. Durante o feriadão de “Páscoa”, a PRF prendeu 18 pessoas, apreendeu oito adolescentes, recuperou três veículos e retirou de circulação duas armas de fogo e nove munições.
 
Policiais Rodoviários Federais prenderam na tarde de sexta (29) um motociclista pelos crimes de embriaguez alcoólica e corrupção ativa. Os agentes federais realizavam ronda na BR 101, quando na altura do Km 03, no município de Propriá (SE), avistaram em uma motocicleta Honda/CG 125 Fan ES, com placa de Sergipe, uma pessoa sendo transportada sem capacete.

O condutor desobedeceu à ordem de parada e tentou fugir, mas foi abordado pelos policiais. O homem apresentava visíveis sinais de embriaguez e não se recusou a fazer o teste do bafômetro, que registrou praticamente o dobro do teor alcoólico exigível para a prisão. Ao ser informado que iria para a delegacia, o motociclista, de 31 anos, retirou noventa reais (R$ 90,00) de sua carteira e, em troca de sua liberação, ofereceu o dinheiro aos agentes, que o conduziram para a Delegacia Regional de Propriá.

Dois jovens foram detidos e um menor apreendido por Policiais Rodoviários Federais do Núcleo de Operações Especiais na tarde de sexta-feira (29), na altura do Km 35 da BR 101, em Capela (SE), pelo porte ilegal de arma de fogo. Os agentes federais deram ordem de parada a um veículo GM/Corsa, com placas de Sergipe e durante abordagem, encontraram no interior do automóvel um revólver calibre 380, com quatro munições intactas, e uma espinguarda calibre 20, com cinco cartuchos também intactos, transportados irregularmente, ou seja, sem qualquer tipo de documentação que legalizasse seu registro e transporte. O condutor e um passageiro, de 25 e 19 anos, foram detidos e um menor, de 17 anos, apreendido e encaminhados à Delegacia Regional de Propriá.

Policiais Rodoviários Federais prenderam na tarde de sexta-feira (29), na altura do Km 139 da BR 101, em Estância (SE), um homem com mandado de prisão em aberto.

Durante abordagem a um veículo I/Dauyun, com placas da Bahia, os policiais consultaram o banco de dados utilizado pela PRF e descobriram que existia contra o motorista um mandado de prisão em aberto, expedido pela 2ª Vara Criminal de Nossa Senhora do Socorro, pelo crime de homicídio doloso. O condutor do veículo foi detido e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, em Estância.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aluna de 13 anos é filmada fazendo sexo em escola de São Paulo

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe