Pais que ofereciam filha para abusos sexuais são presos juntamente com autor do crime



Delegado Fábio Santana
A Polícia Civil da cidade de Propriá, sob a coordenação dos delegados Fábio Santana e Cledson Ferreira, prendeu na tarde desta terça-feira, 26, três pessoas envolvidas com um crime de estupro de vulnerável.

O que chamou a atenção da polícia foi a participação dos pais da criança José Orlando dos Santos e Joelma Silva Santos. Segundo a polícia, eles permitia que José Bezerra dos Santos conhecido, 51 anos, vulgo "Zé", levasse a vítima para a prática dos abusos.

José Bezerra dos Santos"Recebemos a denúncia, via Conselho Tutelar, que corriqueiramente o José Bezerra pegava uma criança na casa dos pais e a levava para praticar atos sexuais em sua residência e por vezes em um local conhecido por 'Dreno', tudo isto com a anuência dos pais da menor que recebiam dinheiro em troca do consentimento", explicou o delegado.

No momento da denúncia os policiais foram avisados que no exato momento o acusado havia pego a menor na casa de seus pais e a levou para o "Dreno", espécie de córrego utilizado para irrigação, localizado no Conjunto Maria do Carmo.

Delegado Fábio Santana detalha a prisão do trio  Baixe aqui

"Nos deslocamos até o local juntamente com duas conselheiras e lá chegando presenciamos o indivíduo conhecido por 'Zé' bem próximo da menor que estava usando apenas um short, sem calcinha e com o zíper aberto. Percebemos que ela quando notou a nossa presença tentou fechar o short rapidamente", explicou Santana.
Joelma Silva Santos | Foto: PC/SE
O acusado foi detido e encaminhado para a Delegacia Regional de Propriá e a menor para o Conselho Tutelar. "Pedimos auxílio da psicóloga do CRAS que se dirigiu ao local e após uma longa conversa com a menor, nos informou que esta lhe disse que constantemente era abusada pelo acusado com a anuência de seus pais que recebiam dinheiro", destacou o delegado.

Logo após a prisão do acusado a polícia prendeu os pais da menor após a confirmação por outra filha do casal que disse que o fato acontecia constantemente com o aval dos pais que recebiam dinheiro. "Ela ainda disse que seus pais tentaram sem sucesso fazer o mesmo com ela lhe oferecendo para José Bezerra. E que seu pai é viciado em crack, usando a droga na frente dos filhos", salientou Fábio Santana.
José Orlando dos Santos | Foto: pc/se
A menor confidenciou a polícia que há muito tempo vinha ocorrendo o abuso sexual e que "Zé" acariciava seu corpo por inteiro inclusive seus orgãos genitais e a obrigava acariciar seu pênis, como também introduzia o dedo em sua vagina. Ela afirmou, ainda, que o acusado praticou os mesmos atos mediante o pagamento de R$ 5,00.

Todos os envolvidos foram presos em flagrante delito e responderão pelo crime de estupro de vulnerável.

Fonte: SSP/SE

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE