Água atinge 65 quilômentros do Canal do Sertão


Divulgação
Quatro dias após o acionamento da primeira bomba, toda a extensão da obra já está preenchida
Quatro dias após o acionamento da primeira bomba do Canal do Sertão, toda a extensão dos 65 quilômetros iniciais da maior obra de infraestrutura hídrica de Alagoas já está preenchida com água. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (1º) pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra).
“Por volta das 20h de ontem (31/1) registramos que a lâmina de água completou 1,9 metro de altura em todas as comportas dos primeiros 65 quilômetros do canal, o que significa que completamos a carga planejada para este primeiro momento”, explicou o secretário adjunto de Projetos Especiais e Irrigação, Francisco Alzir Lima.
Como uma grande quantidade de água já foi armazenada no canal e a condução do líquido é feita pela declividade da obra, não há necessidade do funcionamento ininterrupto das bombas. “Por isso, elas foram desligadas e só voltam a funcionar à medida que o nível da água for baixando novamente”, explicou o secretário adjunto.
O Canal do Sertão já está sendo utilizado para ações emergenciais de combate à seca no sertão alagoano, como o abastecimento de carros-pipas, que desde quarta-feira está sendo feito diretamente no canal, reforçando a distribuição de água nos municípios de Inhapi, Canapi, Pariconha, Mata Grande, Olho D’Água do Casado, além de Delmiro Gouveia e Água Branca.
A Seinfra também está trabalhando em projetos que vão facilitar o acesso à água para os sertanejos e garantir o abastecimento de forma permanente na região, como a integração do Canal com o sistema adutor do Alto Sertão, a implantação de infraestrutura hídrica para o abastecimento dos 16 assentamentos que ficam nas proximidades dos 65 primeiros quilômetros do Canal.

O Canal do Sertão também vai garantir o suprimento hídrico para a implantação dos perímetros irrigados das cidades de Delmiro Gouveia e Pariconha. Os projetos estão sendo desenvolvido pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Paraíba (Codevasf).
A obra

Inserida no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o Canal do Sertão é a maior obra de infraestrutura hídrica de Alagoas e uma das maiores do Nordeste. Ele vai beneficiar 42 municípios e mais de um milhão de alagoanos, levando água para a população sertaneja anualmente atingida pela seca, melhorando a qualidade de vida da população e desenvolvendo a economia regional, contribuindo também para a redução do êxodo rural no Sertão.

Governo do Estado já concluiu os dois primeiros trechos do Canal do Sertão, alcançando o km 65, e as obras do terceiro trecho já foram iniciadas, com serviços em andamento e recursos garantidos pelo Ministério da Integração Nacional até o km 78. Quando estiver concluído, o Canal do Sertão alcançará a marca de 250 km de extensão, ligando Delmiro Gouveia a Arapiraca
por Agência Alagoas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE