ALE autoriza Governo de Alagoas a contrair empréstimos milionários

Plenário da ALE
Plenário da ALE
 
Com os votos contrários dos deputados Judson Cabral (PT), Ronaldo Medeiros (PT), Flávia Cavalcante (PMDB) e Isnaldo Bulhões (PDT), a Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) aprovou, na sessão ordinária desta terça-feira, 20, dois projetos de lei, de autoria do Governo do Estado, que autorizam o Poder Executivo a obter empréstimos junto ao Banco Internamericano de Desenvolvimento (BID) – no valor de US$ 250 milhões - e ao Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no valor de R$ 611 milhões.

Os projetos, que tramitaram em regime de urgência, foram duramente criticados na semana passada e na sessão de hoje por alguns dos parlamentares, entre eles, Judson Cabral.

O petista argumentou que os empréstimos podem levar o Estado à falência. “Alagoas já deve mais de R$ 7 bilhões e paga, em média, R$ 50 milhões mensais somente de juros”, afirmou.

Mais uma vez, o líder do governo na Casa, deputado Edval Gaia (PSDB) votou a defender as baixas taxas de juros cobradas pelos bancos e a importância dos empréstimos para a realização e captação de novos investimentos para o Estado.
 
Fonte: Alagoas24Horas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aluna de 13 anos é filmada fazendo sexo em escola de São Paulo

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

Sérgio Menezes Lucas faz aniversário