O silêncio ensurdecedor de Angélica


Semana passada, a política sergipana foi sacudida pela informação de que um deputado teria recebido a proposta de R$ 500 mil para votar na indicação de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado.
Não se sabe quem teria oferecido os tais R$ 500 mil nem o nome do quase meio milionário.
Aliás, não se sabe nem se a informação caminhou nos passos da verdade.
Alguns deputados concederam entrevistas à imprensa e rechaçaram a informação. Luiz Garibalde (PMDB) disse que, em todos os seus anos de Assembleia, jamais ouviu falar sobre a proposta ou coisa semelhante. Zeca da Silva (PSC) disse que na imprensa há pessoas que não são sérias. Venâncio Fonseca (PP) foi mais longe e disse que tudo não passa de especulação plantada por pessoas do governo que querem ganhar a disputa pelo cargo de conselheiro do TC com mentira.
E a presidente da Assembleia Legislativa, Angélica Guimarães (PSC)? E a própria Assembleia?
O Parlamento Estadual perdeu a semana!
A Assembleia tem a obrigação de promover ação judicial para que não haja dúvida sobre o processo sucessório no Tribunal de Contas!

Fonte: Ne  Noticias

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE