Estudantes de SE ficam em 4º no Campeonato Nacional de Robótica


A competição foi realizada em São Paulo no início de março.
Outras 45 equipes de todo o país participaram da disputa.


A equipe de Robótica do Colégio Coese de Aracaju (SE) alcançou o 2º lugar nas Missões do Campeonato Nacional de Robótica realizado no início do mês em São Paulo, e ficou em 4º lugar na classificação geral do campeonato que selecionou equipes para a etapa internacional.
Os estudantes sergipanos competiram com outras 45 equipes de todo o país. E por causa da grande disputa a classificação foi considerada especial para a equipe uma vez que no Nordeste, só Recife é reconhecida no ranking nacional de robótica.
Ainda comemorando o resultado alcançado pela equipe formada por dez alunos sergipanos, a turmacoordenada pelo professor Hélio Igor dos Santos aos poucos ganha o respeito e reconhecimento nacional e já se prepara para a etapa estadual de 2012, que acontece no mês de novembro e tem como tema mundial “Senior solutions”. “Passamos um ano nos dedicando ao projeto que nos levou a são Paulo esse ano. Fomos a única escola a representar Sergipena etapa nacional. Agora, já estamos trabalhando para a etapa estadual de 2012”, explica o professor que tem aulas quinzenais com os alunos para o desenvolvimento das atividades.
Para participar dos Campeonatos de robótica cada projeto apresentado pelas equipes passam por quatro etapas: a teórica, que é baseada no tema mundial proposto um ano antes da seleção; o trabalho apresentado em equipe; o projeto robô e as missões, na qual ficou em 2º lugar na seletiva nacional. “No Nordeste, só Recife já foi para uma etapa internacional. E estamos trabalhando com a nossa equipe, porque também esperamos alcançar essa vitória”, estima o professor.
O trabalho na área de robótica vem sendo desenvolvido desde 2009, e a partir de então a escola vem observando um aumento no número de estudantes que passou a optar pelos cursos de engenharia. É o caso do estudante Álvaro Pessoa do 1º ano do Ensino Médio. “Me identifiquei de imediato com robótica e hoje tenho certeza que quero seguir essa área profissionalmente. A oportunidade de participar da equipe e de apresentar nosso trabalho em São Paulo foi fabuloso, pudemos ter noção da grandiosidade que a robótica pode fazer em nossa vida. A regional que participamos no Rio de Janeiro também foi um grande aprendizado”, afirma Álvaro.
Fonte: G1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE