Déda busca recursos para perímetros irrigados

Durante a agenda de compromissos que teve em Brasília esta semana, o governador Marcelo Déda manteve uma audiência com o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, onde apresentou pleitos de extrema importância para Sergipe. Na quarta-feira, ele tratou da consolidação da estrutura administrativa para a criação do novo Escritório de Licenciamento do Ibama, da liberação dos recursos da emenda coletiva para a Codevasf, que prevê a revitalização dos perímetros irrigados na região do Baixo São Francisco.

Para o governador, após a confirmação da vinda do Escritório de Licenciamento do Ibama pelo próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo presidente do Ibama, Roberto Franco, é fundamental que todas as medidas administrativas sejam tomadas para agilizar essa implantação.

O funcionamento desse escritório é determinante para agilizar a apreciação dos processos de licenciamento ambiental que asseguram a ampliação dos investimentos da Petrobras em Sergipe, com o aumento da produção de petróleo e gás. Esses investimentos são fundamentais para a retomada do crescimento em todo o Brasil e, especialmente, em Sergipe, afirmou o governador.

Codevasf - Ainda no encontro com o ministro Paulo Bernardo, o governador apresentou um relatório detalhado, inclusive com fotos aéreas, demonstrando a gravidade da situação a que foram submetidos os irrigantes do município de Telha, vitimados recentemente por uma inundação.

Esse tema também foi alvo de um encontro que o governador manteve com o presidente da Codevasf, Orlando Castro, onde foi relatada a situação de sucateamento de toda a estrutura que atende aos irrigantes na região. Levei ao ministro um relatório detalhado e ilustrado com fotos aéreas demonstrando a gravidade da situação e a necessidade de ações urgentes, relatou o Marcelo Déda.

Na ocasião, o governador solicitou a liberação dos recursos da ordem de R$ 12 milhões restantes da emenda da bancada de Sergipe, que totaliza R$ 15 milhões, cujo objetivo é avançar nas ações de revitalização dos perímetros, permitindo a atuação eficiente de toda a estrutura favorecendo as atividades agrícolas na região, além de evitar a repetição de situações de inundações nos municípios ribeirinhos onde estão instalados os perímetros.

Fonte: Jornal do Dia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE