Novo prefeito de Capela, em SE, reclama das contas da antiga gestão

Prefeito mostra comprovantes de saques feitos nos últimos dias de 2012. Merenda escolar está em falta há cinco meses. Ex-prefeito nega acusações.

Do G1 SE


O novo prefeito de Capela, em Sergipe, Ezequiel Leite, afirma que encontrou as contas da administração sem dinheiro. Segundo ele, três cheques que totalizam um R$ 1 milhão foram sacados nos últimos dias de 2012 e, mesmo assim, os funcionários públicos estão com os salários atrasados.
Ezequiel mostra o extrato bancário onde quase R$ 250 mil foram transferidos pela internet nos últimos dias de 2012, fim da gestão do ex-prefeito Manoel Sukita. Outros 79 extratos do mesmo banco também foram zerados na mesma data. Em outro banco, três cheques que somam cerca de R$ 1 milhão que foram sacados nos últimos dias do ano. Eles foram assinados pelo ex-prefeito e pelo secretário de finanças e no verso endossados, com a justificativa: para pagamento de fornecedor.
“Nós temos cerca de 80 contas no Banco do Brasil, todas elas com o saldo zerado. A prefeitura tem muitas dívidas para pagar, a exemplo dos cerca de R$ 6 milhões de folha de pagamento e R$ 10 milhões de precatórios”, explica o atual prefeito de Capela. Ezequiel decretou estado de emergência.
Sukita se defende das acusações e diz que deixou o município sem dívidas, apenas com contas a serem vencidas. “O dinheiro se encontra no caixa da prefeitura, com a despesa empenhada e se ele não pagou até agora é porque ele não respeita a lei, ele é um cidadão que age pela sua própria vontade.
O novo prefeito aponta ainda outras dívidas deixadas como R$ 18 milhões de INSS, 13º e terço de férias atrasados. Outros R$ 420 mil reais são débito em aberto de contas de energia elétrica e mais R$ 1,2 milhão de ônibus que foram comprados e não foram pagos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE