Cidade inundada há 50 anos ressurge com seca em Furnas


Município foi inundado em 1963 com implantação de hidrelétrica.
Moradores da nova Guapé (MG) relembram o passado em ruínas.


Do G1 Sul de Minas

Moradores de Guapé (MG) estão revivendo parte de uma história que foi encoberta pelas águas. Com o nível do Lago de Furnas 11 metros abaixo, ruínas da antiga cidade de Guapé apareceram novamente. Em 1963, a cidade foi inundada com a implantação da Usina Hidrelétrica de Furnas. Todos os moradores tiveram que se mudar para o lado mais alto do município, que hoje é a nova Guapé.

Com a baixa das águas, ficaram à mostra os restos da torre da antiga Igreja Matriz e a escada dos Correios da época. Por todos os lados há muitas pedras e tijolos usados nas construções. Parte da cadeia da cidade, de uma cisterna e até da única farmácia do município também vieram à tona. Ainda há pedaços de vidros, possivelmente dos remédios vendidos na época.
A cidade antiga, inundada e as ruínas: ressurgimento após cinco décadas. (Foto: Reprodução EPTV)A cidade antiga, inundada e as ruínas: ressurgimento após cinco décadas. (Foto: Reprodução EPTV)

Quase 50 anos depois, o local agora virou atrativo, principalmente para os moradores da nova Guapé, que se surpreendem com a cidade original.
As águas do Lago de Furnas atingiram as partes baixas de Guapé no dia 19 de janeiro de 1963. Segundo moradores mais antigos, cerca de quatro mil pessoas viviam na antiga cidade. Hoje, Guapé tem cerca de 14 mil habitantes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE