Em Sergipe Propriá fica em 1° lugar no ranking de melhor frequência escolar

Um estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia eEstatística (IBGE) demonstrou que o Estado de Sergipe é o oitavo do país com maior frequência escolar e o segundo da região Nordeste. O resultado do Censo 2010 foi divulgado no final de abril pelo IBGE e, dentre os itens pesquisados, está a frequência escolar.

A pesquisa revelou que 97,31% das crianças e adolescentes sergipanos de 7 a 14 anos estão frequentando o ensino fundamental, e 85,21%, entre 15 e 17 anos, estão no ensino médio.
O grande destaque sergipano da frequência no ensino fundamental ficou com o município de Propriá, que obteve 99,62%, e no ensino médio o destaque ficou para Santana do São Francisco, com 91,14%.

Ações

Para obter bons resultados como este apontado pelo IBGE, o Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Educação, vem desenvolvendo uma série de ações que atraem o aluno e fazem com que ele permaneça em sala de aula. Uma das ações citadas pelo secretário de Estado da Educação, Belivaldo Chagas, é o trabalho de reforma e ampliação das escolas da rede estadual que o governo vem empreendendo nos últimos cinco anos.

De acordo com Belivaldo Chagas, já foram reformadas mais de 65 escolas com investimentos que ultrapassam R$ 47 milhões, além dos investimentos com manutenção e pequenos reparos. "Atualmente, mais de 34 escolas se encontram em obras, cujo investimento chegará a mais de R$ 18 milhões. Dessas 34 escolas, 12 estão recebendo melhorias em sua estrutura física, em parceria com o governo federal", acentuou o secretário.

Ele disse que se encontra em processo de elaboração de projetos a reforma de mais 30 escolas, cujas obras começarão ainda este ano. "O aluno estudando num ambiente amplo, arejado, com estrutura que atende às suas necessidades, a exemplo da acessibilidade, eleva a autoestima e faz com que se registre uma queda na evasão escolar", acrescentou Belivaldo Chagas.

Além dos investimentos na estrutura física das unidades de ensino, o Governo do Estado tem investido recursos em importantes ferramentas pedagógicas nas escolas, a exemplo dos laboratórios de informática. De 2007 a 2012, já foram instalados mais de 230 laboratórios nas unidades escolares, levando a inclusão digital aos alunos da rede estadual de ensino.

O secretário também destacou os investimentos que a SEED vem fazendo em metodologias específicas de alfabetização e acompanhamento das atividades pedagógicas do ensino fundamental menor, o que vem gerando bons resultados no Ideb e na frequência escolar. "Também podemos citar o programa Mais Educação, que está presente em 58 escolas da rede estadual de ensino, beneficiando um total de 8.134 alunos", reforçou.

Criado pelo Governo Federal, o programa tem como objetivo aumentar a oferta educativa nas escolas públicas em turno integral onde o aluno recebe lanche e almoço, com atividades optativas, como oficinas de letramento, meio ambiente, esporte e lazer, cultura e artes, dentre outras atividades. As escolas inseridas no Mais Educação têm alcançado êxitos em relação ao aprendizado e participação dos alunos.

De acordo com o secretário, a valorização dos profissionais da educação é também um item importante. "Ações de formação continuada para os professores e funcionários das escolas têm contribuído para aumentar a frequência dos alunos em sala de aula. Ao motivarmos o professor a fazer cursos de formação, certamente estamos contribuindo para a melhoria do aprendizado", afirmou Belivaldo Chagas ao destacar ainda a preocupação do governo sergipano em valorizar o magistério com o pagamento do piso salarial nacional.

Fonte: Portal da Educação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE