Projeto retrata a tradição do couro em municípios do baixo São Francisco


Uma exposição tem chamado bastante atenção no Museu da Gente Sergipana: é a mostra ‘O Couro e o Rio - Usos e Significados`, que retrata a importância do artesanato em couro nas regiões onde ele predomina no Estado. A exposição foi aberta no último dia 19 de dezembro e deve ficar à disposição dos visitantes até o mês de fevereiro.
‘O Couro e o Rio` é um projeto que abriga um catálogo e uma exposição coletiva, que conta com peças de artesãos de diversos municípios ribeirinhos, como Pacatuba, Propriá, Amparo do São Francisco, entre outros. Um desses artesãos é o senhor José Santos de Carvalho, de Capela, que desde muito jovem trabalha com o artesanato em couro.
"Sempre trabalhei em fazendas como vaqueiro, e isso era uma coisas que era comum nós fazermos. É com muita alegria que hoje vejo meu trabalho sendo exposto num lugar bonito como esse para que todos vejam", afirma o artesão.
Outro artesão que está muito feliz em participar da mostra é José Augusto. Ele, que também é de Capela, ficou muito feliz em participar da exposição. "Nós só temos a agradecer, pois através desta exposição nosso trabalho está sendo mostrado e com isso será mais valorizado", completa.
Sobre o projeto
O projeto ‘O Couro e o Rio - usos e significados`, foi contemplado pelo Edital de Microprojetos do Rio São Francisco, auxiliando assim na elaboração da exposição e de um catálogo que contém belas imagens do fotógrafo José Caldas, que retratam a rotina desses artesãos e algumas peças que estão disponíveis na mostra.
Segundo Sayonara Viana, coordenadora de museus da Secult e uma das organizadoras do projeto, a pasta auxiliou bastante na realização do projeto. "Através da Secult nós fizemos o mapeamento desses municípios que possuem esse histórico com o artesanato em couro e pudemos trazer essa linda exposição e construir esse catálogo", destaca.
Já para a idealizadora do projeto Maria José Aragão, é uma satisfação muito grande apresentar o resultando de tantas pesquisas à população sergipana, naquele que é hoje um dos principais museus do Estado. "Nosso objetivo é despertar a população para esse trabalho que é tão rico e tão importante para a cultura de Sergipe", finalizou.

Fonte: ASN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE