Mototaxista recebe chamada para fazer corrida e é executado a tiros


Emergência190
Anderson recebeu uma ligação minutos antes do crime
A prática de crimes contra profissionais do trânsito tem crescido consideravelmente nos últimos anos em Alagoas. Na noite desta segunda-feira, 07, mais um mototaxista foi executado a tiros no estado. Anderson Marques da Silva, 19 anos, estava em sua casa localizada no município de Rio Largo, quando foi chamado para fazer uma corrida até a cidade de Messias.
De acordo com as informações policiais, ao chegar no local onde a corrida havia sido solicitada, o mototaxista foi alvejado com diversos disparos de arma de fogo e acabou perdendo o controle da motocicleta que pilotava, uma CG 150 de cor e placa não informadas. Anderson Marques morreu na hora, antes mesmo de ser socorrido.
Os familiares do jovem contaram à polícia que não sabem a quem atribuir o crime e nem o que teria motivado o homicídio. Nenhum dos pertences da vítima foi levado pelos criminosos que após o crime fugiram tomando destino ignorado. A polícia chegou a realizar buscas pela região, mas até a manhã desta terça-feira, 08, não havia localizado nenhum suspeito.
Peritos do Instituto de Criminalística foram acionados e estiveram no local para realizar os primeiros levantamentos no corpo da vítima que após ser periciado foi conduzido por uma equipe do Instituto Médico Legal para a sede do órgão, em Maceió. Depois de ser submetido à necropsia o corpo foi liberado para sepultamento.
 
por Redação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aluna de 13 anos é filmada fazendo sexo em escola de São Paulo

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE