Após confusão em bar, funcionário do supermercado Ki-barato é assassinado


Cone Freire - aquiacontece.com.br

O que deveria ser uma noite de sexta-feira (14), agradável, depois do expediente, acabou em assassinato. O jovem Francisco José Batista, 36 anos, conhecido como Zito, foi morto com um tiro na cabeça. O crime ocorreu na porta de um bar, por volta 23 horas, na Rua A, no Loteamento São Gonçalo, parte alta de Penedo.
De acordo com um dos amigos da vítima, que pediu para ter o nome resguardado, eles estavam bebendo em um bar quando houve o início de uma confusão, entre um policial de Sergipe não identificado, com outros três homens. “Foi tudo muito rápido, o bar já estava fechado, estávamos bebendo dentro, quando esses homens começaram a bater e chutar na porta, o policial sacou uma pistola e deu um tiro para o alto. Foi quando os três homens que se encontravam em um veículo Volkswagen Fox preto foram embora”, narrou o amigo da vítima.
“Depois dessa confusão fomos embora caminhando e a 100 metros de onde estávamos, escutamos tiros vindos de um Fox preto que estava do outro lado da esquina, começamos a correr e um tiro pegou na cabeça do Francisco”, relatou emocionado o amigo.
Suspeito é identificado em um bar nas imediações da Coahb
Uma guarnição do 11º Batalhão de Polícia Militar de Penedo foi acionada para fazer os primeiros levantamentos do crime. Ainda no local, outras testemunhas afirmaram também que os acusados estavam em veículo Volkswagen Fox preto.
Em outra viatura, policias do Pelopes, minutos após, identificaram o veículo em um bar nas proximidades da Cohab, o suspeito se recusou a abrir o veículo para ser revistado e terminou sendo conduzido para averiguações na delegacia de Penedo. O seu veículo foi guinchado e também levado para o pátio da regional. Ao chegar, uma testemunha ocular do crime reconheceu o acusado e seu carro.
Preso em flagrante por homicídio qualificado
O delegado titular de Piaçabuçu, Renivaldo Batista, que está de plantão respondendo pela regional de Penedo, afirmou que o acusado, Rafael dos Santos, foi identificado por uma testemunha que presenciou o crime. “O acusado está preso e autuado em flagrante por homicídio qualificado. Ele foi reconhecido por uma testemunha ocular”, garantiu o delegado, acrescentado que, agora é com a Justiça.
Fonte: Aqui Acontece

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE